quinta-feira, 10 de maio de 2012

MIP Soja




A tecnologia de Manejo Integrado de Pragas da Soja (MIP-Soja) foi implantada no Brasil, na década de 1970, e tem sido aperfeiçoada constantemente. Essa tecnologia orienta na tomada de decisões de controle de pragas com base num conjunto de informações sobre os insetos e sua densidade populacional, na ocorrência de inimigos naturais e na capacidade da cultura de tolerar os danos. Assim, o monitoramento da lavoura, a identificação correta das pragas e dos inimigos naturais, o conhecimento do estádio de desenvolvimento da planta e dos níveis de ação são importantes componentes do MIP-Soja.
Como parte do MIP-Soja, vários métodos como o biológico e o químico podem ser utilizados para o controle das principais pragas. Além disso, a rotação de culturas e a manipulação da época de semeadura têm sido recomendadas, principalmente para insetos de ciclo longo.

Para saber mais sobre as pragas e os componentes do MIP, faça uma busca no formulário existente no site da Embrapa Soja.
No site encontraremos informações sobre as pragas da soja, inimigos naturais, amostragem, níveis de ação e publicações.


Fonte: Embrapa Soja


Nenhum comentário:

Postar um comentário